José Mendes nunca mais: para cada 200 eleitores, apenas 1 fica em dúvida pela reeleição do vereador José Mendes

A equipe do Blog Gazeta Maranhense fez uma sondagem sobre o que o codoense pensa do potencial eleitoral dos vereadores codoense. Para cada 200 eleitores, apenas 1 fica em dúvida sobre reeleição do vereador José Mendes e 199 afirmam  que José Mendes não tem chance alguma de reeleição. A sondagem foi realizada por telefone.

Os codoenses afirmaram que a atuação do edil também é péssima, apesar de ser líder do governo, é o vereador mais pacato no parlamento codoense. Os codoenses também afirmaram que José Mendes votou em um Projeto de Lei ainda em 2021  de autoria do Executivo que alterou a Lei 1.505/2009 (PCCS), que permitiu o afrouxamento da Lei 1.505/2009 para que o Seletivo para o cargo de professor culminasse em uma mera indicação política.

A mesmo Lei ainda foi alterada em seu artigo 32, que determinava que um Seletivo tinha validade de 1 ano, podendo ser prorrogado por igual período. Com a alteração, a duração de uma Seletivo passou ter duração de 2 anos, podendo ser prorrogado por igual período, que é exatamente o mandato de um prefeito. Desta forma, tanto José Mendes, demais vereadores, assim como Zé Francisco são contra o concurso público.

O que a categoria de professores pensa de José Mendes?

Professores e codoenses em geral se decepcionaram com o voto de José Mendes favorável a um Projeto de Lei que permitiu fraudar o seletivo para se tornar uma mera indicação política. Ou seja, José Mendes votou em um Projeto de Lei que não trouxe segurança jurídica. A decepção foi maior ainda, porque José Mendes já foi procurador do SINTSERM.

Nossa opinião

Talvez José Mendes tem votado  em Projetos de Lei como esse  apenas  para agradar Zé Francisco por ter nomeado seu irmão Francisco Mendes para a Procuradoria-Geral do Município. Eis a razão!

Deixe um comentário