Josimar ainda evita ser chamado de “candidato do Bolsonaro”

Em entrevista à TV Mirante na manhã desta sexta-feira, 12, o deputado federal Josimar de Maranhãozinho (PL), pré-candidato ao governo do estado, ainda evita ser chamado de “candidato do presidente”, mesmo com a já certa filiação de Jair Bolsonaro ao Partido Liberal, marcada para o próximo dia 22.

O deputado maranhense aguardará uma reunião a ser realizada no dia 17, entre os presidentes estaduais da sigla, antes de ter uma posição mais concreta sobre o apoio de Bolsonaro.

“A partir do dia 17 poderemos afirmar com mais certeza o que vai acontecer. Eu sempre vou ser mais o Maranhão. Temos certeza que vamos tomar a decisão certa sempre pensando no Maranhão”, destacou.

Apesar disso, o parlamentar afirmou que a entrada do presidente no PL contribuirá para engrandecer o partido. “O partido está crescendo, criando um novo projeto, e agora, com afiliação do presidente da república, nós podemos esperar que o PL seja um dos maiores partidos do Brasil”, completou Josimar.

Deixe um comentário